• Décio Sabi

    Muito interessante. Deu boas pistas e dicas de precauções. Obrigado!

    • Que bom que gostou, Décio! Abraço e sucesso para você.

  • João Miguel

    Muito bons conselhos, incluindo aquele sobre ter noção sobre o meu desconhecimento do mercado de ações.

  • Muito boa entrevista,bons conselhos não só para os iniciantes mas,para todos que as vezes esquecem que investir em bolsa não é um cassino,parabéns André!

  • Tatiane Costa

    Bastante esclarecedora. Muito obrigada !

  • Janete Barbosa

    Muito bom, dicas que serao muito úteis, já fiz varias anotações e sugestões de releituras. Obrigada!

  • Edinaldo Reis

    Excelente, sem mais palavras, espero por outra.

  • Tiago Lacerda

    Excelente entrevista…
    Estou recomendando….
    abraços
    Tiago Lacerda

  • Ramiro Gomes Ferreira

    Tive o prazer de conviver diariamente por mais de dois anos com o Valter, que é um cara sensacional que eu admiro muito. Nesta entrevista, ele deixou bem claro o tamanho do seu conhecimento, dando conselhos extremamente valiosos para o pequeno investidor. Meus parabéns pela entrevista, André!

    • Obrigado pela participação aqui, Ramiro! Um forte abraço!

  • Elizandra Targino Porfirio

    Gostei! Ajuda muito quem quer seguir essa filosofia de investimento.

  • Felipe

    Olá André!! Gostei da Entrevista dele, gostaria de um suporte melhor, com vocês, estou com algumas dúvidas, com relação ao Value Investing!! Sou Aluno do Curso Árvore da Riqueza!! Forte Abraço Felipe e-mail: [email protected]

    • Oi Felipe, tudo bem? Qualquer dúvida sobre o treinamento Àrvore da Riqueza você pode fazer mandando email para [email protected]. Um abraço!

      • Felipe

        Valeu André Fogaça!! Entrarei em Contato Sim!! Forte Abraço!!

  • aldosilva6

    Muito boa a entrevista, só acho que misturar análise técnica com fundamentalista não funciona, na minha opinião.

  • Eduard Fischer

    Primeiro gostaria de parabenizar o André Fogaça pelo excelente trabalho que vem desenvolvendo!

    Na verdade logo me identifiquei com seu método de utilizar as técnicas de Benjamim Graham em investimento em valor em conjunto com os ensinamentos de Robert Kiyosaki. Acredito que utilizar os ensinamentos de Graham para comprar ações torna o investimento bem mais seguro. E utilizar as técnicas de Kiyosaki para vida pessoal, buscando entrar nos quadrante investidor e dono, comprar ativos ao invés de passivos, e buscar obter um fluxo de caixa dos ativos que leve a liberdade financeira é a chave que pode levar qualquer pessoa a riqueza. Principalmente para quem tiver a seu favor o tempo e os juros compostos.

    Agora com relação a entrevista, com todo respeito ao entendimento diverso ouso discordar que o método preconizado pelo entrevistado seja o investimento em valor ensinado por Graham ou Warren Buffett. Pois o entrevista disse: “Eu entendo que, frequentemente, o value investor é taxado como aquele que gosta de comprar apenas empresas que estão sendo negociadas a múltiplos extremamente descontados, o que eu não concordo. Eu acho que o value investor pode, sim, comprar ações que tenham múltiplos elevados,
    contando que isso esteja respaldado pelo método pregado pela ciência fundamentalista. Se ele entender que mesmo aquele múltiplo mais caro ainda não precifica as brilhantes perspectivas de uma boa empresa, pode-se dizer que é considerado um investimento em valor. Isso, para mim, é o conceito de value investing.” Ou seja, em síntese: “Eu acho que existe uma certa confusão do que é ser um value investor. Eu trabalho com a concepção de que value investor é aquele investidor que procura comprar ativos que estejam baratos em relação às perspectivas que se acredita que se concretizarão no futuro.”

    Com todo respeito, na minha humilde opinião, acho que da forma como preconizado acaba-se desvirtuando todo o ensinamento de Graham que disse: “Não estamos dispostos a aceitar as perspectivas e promessas do futuro como compensações para falta de valor suficiente no presente. Isso não tem, sem dúvida, sido o ponto de vista padrão das ‘autoridades’ de investimento, na verdade, a maioria provavelmente apoiaria a visão de que as perspectivas, qualidade de gestão, outros intangíveis, o ‘fator humano’ mais do que compensam as indicações fornecidas por qualquer estudo do desempenho do passado, dos balanços e todos os outros números frios.”

    Em outro momento diz Graham: “Aqueles que enfatizam a previsão se esforçam para prever com bastante precisão exatamente o que a companhia realizará em anos futuros, em particular se os rendimentos mostrarão um crescimento acentuado e persistente. (…) Se essas autoridades estão convencidas de que as perspectivas de longo prazo são extraordinariamente favoráveis, elas quase sempre recomendarão a compra da ação sem prestar grande atenção ao nível no qual ela é negociada. (…) Em contrapartida, aqueles que enfatizam a proteção tem sempre uma preocupação especial com o preço da ação no momento do estudo. Seu esforço principal é assegurar-se de uma margem substancial acima do preço do mercado no valor presente indicado, a qual poderia absorver uma
    evolução desfavorável no futuro. Grosso modo. portanto, não é tão necessário para eles estarem entusiasmados com as perspectivas de longo prazo da companhia, contanto que estejam razoavelmente confiantes de que a empresa será bem-sucedida.”

    Espero ter contribuído com o debate. Um abraço a todos e um especial agradecimento ao André Fogaça pelos ensinamentos que tem compartilhando, e pelo excelente site Guia Invest que vem facilitando muito a vida dos investidores.

  • Bruno Vioto

    Vou ler este livro que ele recomendou com certeza, otima entrevista!

  • Oi Eduard, muito obrigado pela contribuição aqui no Blog… São debates como este que precisamos cada vez mais aqui neste ambiente. Um forte abraço e sucesso!

  • Marcelo Keiji

    Tinha muitas dúvidas se no meu caso deveria investir em papéis individuais ou em fundos de índice. Com a entrevista cheguei à conclusão de que a melhor opção para o meu capital são os fundos de índice. Obrigado André! Obrigado Valter! Excelente entrevista.

  • Rafael
  • Que entrevista fantástica. Deu para fazer algumas anotações importantes e foi importante para consolidação do conhecimento que venho tentando buscar para começar a dar alguns passinhos na renda variável.