• Marcos Marcondes

    Por que utilizar o CDI como benchmark dos Fundos de Investimentos, se o IPCA(inflação) normalmente é superior ao referido índice.

    • Oi Marcos, o CDI é utilizado porque se aproxima da meta da SELIC que a taxa de juros do mercado. E lembrando que o CDI é benchmark para apenas alguns tipos de fundos como alguns de renda fixa, referenciado, de curto prazo, etc Normalmente, o CDI anual tem superado o IPCA anual nos últimos anos, como você pode observar acessando os links a seguir:

      IPCA: http://www.portalbrasil.net/ipca.htm
      CDI: http://www.portalbrasil.net/indices_cdi.htm

      Um abraço e obrigado pelo comentário!

  • Claudemilson Fernandes

    Bom dia, André!
    Muito obrigado pelo esclarecedor artigo.

    • Oi Claudemilson, agradeço o comentário. Um abraço!

  • Marcos Marcondes

    Qual o risco do governo manipular o IPCA?

    • Rodolfo Duarte Alves

      Pouquíssimo. Pense que se o Governo faz isso, o Brasil vira uma Venezuela de vez, pois o país perderia toda a credibilidade e consequentemente perderíamos investidores. Além disso o calculo do IPCA pode ser feito por qualquer um, no site do IBGE se mostra como é feito a pesquisa, e tenha certeza que se o IPCA for manipulado, TODOS ficarão sabendo.

      • Marcos Marcondes

        Rodolfo, obrigado, mas estamos perto de tudo isso. Notícias recentes, mostram que o Brasil não pagou a ONU, não pagou Aluguel, enfim, é muito preocupante!

        • Thales Sobral

          Marcos, boa noite! O governo até hoje manipulou o IPCA “dentro das regras”, ou seja, segurou os preços administrados o quanto pôde pra ficar bem na fita. Agora em 2015 tirou as amarras deles, e o resultado a gente está vendo de perto.

          • Marcos Marcondes

            Boa noite Thales! Obrigado pelas considerações. Qdo falo em manipular, é fazer o que fizeram com a TR. Governo vizinho, já mostrou que até em Fundos de Pensão, não tem escrúpulos, “mete a mão”, mesmo.

  • Diogo

    Boa tarde André, muito bom esse artigo. Gostaria também de discutir a respeito de como agir quando a bolsa está em baixa e quais os perigos de se realizarem operações neste estágio. Creio que seria bem interessante para nos poupar de certas ações desnecessárias.
    Um abraço!

    • Daniel Becker

      Diogo, com a bolsa em baixa podem surgir oportunidades de comprar ações de excelentes empresas com grande desconto.

    • Oi Diogo, é em momento como este que eu gosto de seguir linha de raciocínio de grandes investidores como Warren Buffett que diz “Seja ganancioso quando os outros estão medo e seja medroso quando os outros são ganaciosos”. Reflita sobre isso…
      Um abraço e obrigado pelo comentário!

  • Romulo Oliveira

    Uma sugestão de artigo é; quais são as maiores diferenças entre um Investidor em Valor e um Day Trade e quais são as vantagens e desvantagens de cada estilo, até porque quem lê seus artigos são pessoas interessadas na bolsa. Enfim, só uma sugestão.

    • Daniel Becker

      Olá Romulo! Boa sugestão de tema para um próximo artigo…
      Um abraço e obrigado pela participação!

  • misael da silva

    Excelente artigo, Estarei lendo estes livros para para autoconhecimento.Em momentos de crise é compra ações de boas empresas é compra e compra ( qto possível).

  • Daniel Ferreira

    André, primeiramente gostaria de parabenizar seu website. Ele possui conteúdo excelente, design limpo e funcional, inteligentemente projetado para atrair visitantes de buscadores, sendo que muitos tenho certeza que já digitam diretamente o endereço. Parabéns!

    Sou médico recém formado, no momento com pouquíssimas despesas fixas e tenho interesse em me aprofundar em investimentos, independente do tipo. Gostaria de fazer duas perguntas.

    1 – Existe vantagem/desvantagem em utilizar meu banco comercial de longa data como corretora, sendo que nunca fui um cliente com grandes investimentos ou qualquer tipo de benefício?

    2 – Utilizando uma abordagem mais agressiva, colocando digamos maior porcentagem em renda variável do que renda fixa, no seu exemplo de alocação de ativos, qual seria um resultado satisfatório realista anual (em porcentagem)? Retornos acima de 50% ao ano (por exemplo) são irreais e suspeitos ao ponto de vista do investidor consciente? Gostaria que você falasse um pouco sobre valores atingíveis utilizando o bom senso e técnica.

    Obrigado.

    • Oi Daniel, tudo bem?

      Obrigado pelas palavras. Fico muito feliz de poder ajudar de alguma forma.

      Você pode sim usar a corretora do seu banco para investir em ações. O que ocorre é que, em sua grande maioria, as corretoras de bancos cobram taxas mais caras que as corretoras independentes.

      Você terá que verificar para entender exatamente quais os benefícios que a corretora do seu banco oferece.

      È muito difícil fazer previsão de resultado futuro no mercado financeiro. Lembrando que resultados passados não representam garantia de resultado futuro. Diria que retornos de 50% ao ano é muito pouco provável de conseguir ao longo de anos.

      Para você ter uma ideia, a média dos maiores investidores do mundo fica em torno de 20% ao ano para longos períodos (acima de 30 anos).

      Um abraço!

  • Janete Barbosa

    Obrigada por partilhar informações tão valiosas! Estou lendo e pesquisando muito a respeito de investimentos mais seguros e conscientes, aprender a controlar as emoções é com certeza, um passo muito importante. Vou comprar e começar a leitura dos livros, pesquisei as sinopses deles e já me interessei com certeza. Obrigada…

    • Obrigado, Janete! Continue nesse caminho de buscar cada vez mais conhecimento sobre investimentos. Um abraço!

  • Avanilton Santos Carneiro

    Excelente artigo! Em tudo na vida e nos investimentos não poderia ser diferente o fator psicológico é um diferencial. Tendo em vista o cenário de crise na nossa economia e a baixa liquidez das empresas da BOVESPA em comparação a outros lugares (Apple por exemplo tendo mais liquidez que todas as da BOVESPA juntas) gostaria de sugerir artigo sobre investimento em ações no mercado exterior.

    • Daniel Becker

      Olá Avanilton, interessante sugestão de tema. Não podemos esquecer que estamos em um mercado cada dia mais global, e excelentes alternativas de investimento podem surgir em qualquer lugar!

  • Ronaldo Silva

    Difícil é manter a disciplina nos investimentos o caminhos todos já sabe, mas controlar o emocional é difícil mesmo.

    • Exato, Ronaldo! Esse é o maior desafio de qualquer investidor. Um abraço e obrigado pelo comentário.

  • Paulo Queiroz

    Caro André, a Sugestão do Avanilton é bem interessante. Também tenho pensado em investimentos no exterior. Quanto questão do (ir)racional, particularmente opero (ainda pouco) com swing trade e até no intraday. Mas mantenho uma carteira de longo prazo também, pois acredito neste método. Os dois mercados anteriores são para mim dinâmicos e me forçam a estar ligado e a utilizar tanto a análise fundamentalista quanto a gráfica. Administrar as duas (três) metodologias tem me trazido uma experiência muito interessante. Não deixar que uma interfira na outra deixaria qualquer psicólogo confuso. Abraços